Estilos de liderança


Antes de pensar em liderar uma equipe, você precisa liderar a si mesmo, necessita ser o capitão do seu próprio barco o qual navegará nos mares da vida, enfrentando tempestades e tornados com o propósito de manter-se na rota, encarando as dificuldades da navegação para conquistar objetivos pessoais definidos. Da liderança pessoal, nasce a liderança interpessoal, ou seja, a capacidade de liderar os outros.

Se não conseguir liderar a si mesmo, nunca conseguirá liderar outras pessoas. No mínimo será mais um chefe impondo ordens, sendo autoritário, temido, centralizando o poder e preocupado apenas com os resultados.

Liderança é o processo de inspirar pessoas para que deem o melhor de si para atingir um resultado almejado. Liderar está ligado a duas questões, ao grupo e a influência que se tem sobre essa equipe. Os líderes adotam diferentes estilos, que podem ser assim classificados:

Carismático.

Os líderes carismáticos se baseiam em sua personalidade, suas qualidades e seus valores. São líderes visionários orientados para realizações em grupo, são ótimos comunicadores e assumem riscos calculados. Possuem a capacidade de incentivar seus liderados, criando um comprometimento relacionado aos objetivos, dando-lhes a inspiração adequada de modo que identificam os problemas de forma diferenciada, que deem o melhor de si e apresentem ideias renovadas.

Você sabe elogiar seus colaboradores?

Você sabe motivar as pessoas a participar e assumir novos desafios?

Democráticos.

Os líderes democráticos encorajam as pessoas de sua equipe a participar e se envolver na tomada de decisões. Não impõe suas decisões, usando sua posição, seu cargo para forçar as pessoas a fazer o que lhes dizem. Envolve os liderados nos planos, procedimentos e metas empresariais, facilitando as discussões e melhorando a produtividade.

Você sabe ver o lado positivo nos momentos de crise?

Você conhece bem todos os produtos e serviços da empresa?

Transformacionais.

Os líderes transformacionais motivam as pessoas para que se esforcem por metas mais elevadas. A liderança transformacional é caracterizada pela presença de um líder capaz de transformar o ambiente, modificar comportamentos e formar profissionais e pessoas melhores, consegue mudar a realidade de qualquer lugar por onde passa por meio de seus exemplos e atitudes. Esse tipo de líder é aquele que sabe a hora de botar a mão na massa e o momento em que deve delegar as tarefas.

Você procura a função na qual cada elemento da equipe possa produzir melhor?

Você envolve os colaboradores com os desafios, projetos e ações da empresa?

Capacitador.

Os capacitadores inspiram as pessoas com sua visão de futuro e lhe dão poderes para alcançar suas metas. Não manipulam as pessoas para conquistar sua obediência. Preocupam-se em treinar e capacitar seus liderados não apenas para os bons momentos, focam principalmente na capacitação para enfrentar possíveis desafios e dificuldades.

Você possui humildade para analisar seus pontos fracos e aceitar críticas?

Você encara o trabalho como um meio de evolução e crescimento?

Você é capaz de discutir os resultados e os novos projetos da organização?

Quanto as qualidades exigidas dos líderes podem variar em situações diferentes, vejamos alguns exemplos;

Confiança – uma crença em si mesmo que os liderados podem sentir, não se trata de excesso de confiança, que leva à arrogância.

Entusiasmo – para conseguir que sejam feitas as tarefas que eles podem comunicar aos seus liderados.

Humildade – disposição para ouvir e assumir a culpa.

Integridade - ser verdadeiro consigo mesmo, estabilidade e honestidade que inspiram confiança.

Tenacidade - exige altos padrões em busca de respeito, não necessariamente popularidade.

Empatia - preocupar-se verdadeiramente com as pessoas.

“A maior habilidade de um líder é desenvolver qualidades extraordinárias em pessoas comuns” Abraham Lincoln

Os melhores desafios são aqueles que despertam e acendem a chama do guerreiro, exigem a presença de espírito de um sábio e a força de um campeão.

(Referência bibliográfica: Armstrong, Michael. Como ser um gerente melhor. 1. ed. São Paulo: Clio Editora, 2008 - Tejon, José Luiz. Liderança para fazer acontecer. São Paulo: Editora Gente, 2006).

#Autoconhecimento #Desenvolvimento #Liderança

23 visualizações

Avenida Estados Unidos, 397, Edf. Cidade do Salvador, Sala 804. Comércio - Salvador/BA - 40.010.020

 +55.71.3397 6146  /

 (21) 97912 9565 -

  • Grey LinkedIn Icon
  • Instagram - White Circle
  • facebook

Entre em contato agora

comercial@ph-potencialhumano.com